quarta-feira, 25 de julho de 2012

CREMERJ, VOCÊ TEM MEDO DE QUE?

Hoje ao abrir minha pagina da Mèrépanouir, me deparo com a divulgação dessa noticia aqui onde quem postou, tao indignada quanto eu, destacou uma frase onde o CREMERJ diz que ‎"Gisele Bundchen está prestando um desserviço às outras mulheres". 


Ai me pergunto: o "desserviço" é para as outra mulheres ou para o bolso dos profissionais interessados?? Porque com todo respeito, não vejo outra razão se não a financeira na aplicação dessa lei absurda onde o Conselho Regional de Medicina do estado do Rio de Janeiro (Cremerj) proibiu os médicos obstetras de dar auxilio as mulheres que optarem por terem seu filhos em casa, e ainda poderá ser processar e até caçar o direito de exercer a profissão de quem a desobedecer. Esta resolução também proíbe a ação de parteiras ou qualquer pessoa que não seja profissional de saúde no parto em ambientes hospitalares – incluídas nos, as doulas (acompanhantes).


"... Nosso maior objetivo é alertar as mulheres de que, ao optar por fazer o parto em casa, ela está se expondo a um risco desnecessário...


Nao sei se sou eu, mas parece que tudo que eles falam me soa péssimo. 
Mas como disse uma colega de profissão, não existem NENHUMA evidência que mostre que para uma gravidez de baixo risco é MAIS SEGURO parir no hospital do que em casa. Muito pelo contrario, existem muito mais perigo de intervençoes desnecessarias e infecçoes em ambiente hospitalar. Por que la é um lugar de doenças e gravidez, até aonde eu aprendi, nao é uma! Mas pelo mundo há dezenas de estudo mostrando que se durante o pré natal nenhuma anormalidade for pautada, o parto domiciliar é tão seguro quanto o hospitalar. Se nao mais..


Quando eles sitam Enquanto a medicina evolui, algumas mulheres parecem querer voltar ao tempo de suas bisavós. (como se isso fosse algo ruim), eu pasmo! 
Se naquele tempo elas pariam sem estrutura nenhum, sem informação sem pré natal, porque hoje com toda informação e tecnologia que temos para podermos nos assegurar de um parto domiciliar seguro ou mesmo um hospitalar mais acolhedor isso nos é vetado "para nossa segurança"!?


Estou sem tempo, mas poderia passar o dia pautando aqui toda essa proibição sem sentido. Mas ainda bem que minhas colegas estão levantando a bandeira em diversas partes do Brasil contra essa decisao do RJ antes que ela se tome proporções mais devastadoras...


Oque me acalma é saber que existem profissionais da área de saúde que são contra toda essa absurdisse...


E deixo aqui meu apoio nessa luta pelo direito de escolha das mulheres brasileiras (parturientes, doulas, parteiras e afins)


Mamãe Eco Neurótica e Mèrépanouir


  





Um comentário:

  1. Quem decide o que é melhor pra mulher é ela!! Esse povo viaja...

    ResponderExcluir